Logon
  • Aumentar a fonte
  • Diminuir a fonte
  • Enviar por E-mail
  • Imprimir

História

​​ No século XIX, a empresa de mineração inglesa Saint John Del Rey Mining Company deu início à exploração de ouro em Nova Lima, Minas Gerais. Mais de 170 anos depois, o patrimônio minerador passou a ser controlado pela AngloGold, atualmente AngloGold Ashanti, após a fusão com a Ashanti Goldfields, em 2004. A empresa explora minério de ouro no Quadrilátero Ferrífero, província mineral com grande importância para o desenvolvimento econômico e social de Minas Gerais e do país.

1834: Chegada da Saint John Del Rey Mining Company.

1960: Transferência do controle acionário inglês para um grupo de brasileiros liderados por Walter Moreira Salles e Horácio de Carvalho. A empresa passa a se chamar Mineração Morro Velho S.A, tendo Fernando de Souza Mello Vianna como o primeiro presidente brasileiro.

1975: Ocorre a associação com a Anglo American Corporation, então a maior empresa de mineração de ouro do mundo, como sócia minoritária da empresa, com 49% das ações (atendendo a exigências brasileiras em relação a empresas estrangeiras).

1980: O Grupo Bozano Simonsen adquire a participação nacional da Morro Velho. O restante das ações continua pertencendo à Anglo American Corporation.

1993: Como parte da reestruturação da Anglo American Corporation, o grupo transfere os ativos brasileiros para o seu braço europeu, a Minorco.

1999: AngloGold passa a controlar a Mineração Morro Velho.

2004: Fusão entre a AngloGold e a Ashanti Goldfields, que passa a ser conhecida como AngloGold Ashanti.

2009: A Anglo American encerra sua participação no grupo e a AngloGold Ashanti passa a ser 100% de capital aberto.

2010: A AngloGold Ashanti adquire a São Bento Mineração.

2012: A AngloGold Ashanti adquire ações integrais da Serra Grande (50% restantes).

​​