Logon
  • Aumentar a fonte
  • Diminuir a fonte
  • Enviar por E-mail
  • Imprimir

Somos signatários

​​​​​Código Internacional de Gestão de Cianeto

A AngloGold Ashanti é signatária do Código Internacional de Gestão de Cianeto para Produção, Transporte e Uso na Produção de Ouro. Por este código, todas as empresas envolvidas na produção de ouro se comprometem a manter controle e gestão rígidos sobre o cianeto, produto de alta toxicidade utilizado nos processos metalúrgicos. Todas as operações são submetidas à auditoria independente para comprovar sua conformidade ao Código.

Conheça mais em: www.cyanidecode.org


Conselho Internacional de Mineração e Metais (ICMM)

A empresa é signatária do Conselho Internacional de Mineração e Metais (International Council on Mining and Metals - ICMM), um fórum sediado em Londres que reúne 19 das maiores empresas de mineração do mundo.

Criado em 2001, ele atua como um catalisador para a melhoria do desempenho da indústria de mineração e metais, enfrentando os principais desafios do desenvolvimento sustentável pela indústria. Ele funciona como um agente de mudança em relação às responsabilidades de seus membros, nos campos social e ambiental. Neste sentido, tem como visão trabalhar junto às empresas para contribuir para o desenvolvimento sustentável. A proposta é estimular as mineradoras a compartilhar práticas positivas.

Para assegurar sintonia entre seus integrantes, o ICMM implementou o Sistema de Desenvolvimento Sustentável (Sustainable Development Framework). Todos os participantes devem adotá-lo e cumprir com as políticas estipuladas pelo Conselho.

De uma forma corporativa, e seguindo os preceitos do ICMM, a AngloGold Ashanti vem realizando o preenchimento do relatório anual do CDP (Carbon Disclosure Project) desde 2007. Além disso, as operações no Brasil realizam o inventário anual dos Gases Efeito Estufa desde 2006, como forma de conhecer e motivar internamente a redução das emissões provenientes de suas atividades, sendo todo este levantamento realizado de forma voluntária.

Como signatária do ICMM, a AngloGold Ashanti assume o Princípio 7 da Estrutura de Desenvolvimento Sustentável, comprometendo-se a:

- Respeitar áreas protegidas legalmente demarcadas;

- Disseminar dados científicos sobre o assunto e promover práticas e experiências de avaliação e gestão da biodiversidade; e

- Apoiar o desenvolvimento e a implementação de procedimentos cientificamente seguros, inclusivos e transparentes, para abordagens integradas quanto ao planejamento de uso e ocupação do solo, à biodiversidade, à conservação e à mineração.

Conheça mais em: www.icmm.com


Compacto Global das Nações Unidas (UN Global Compact)

Lançado em julho de 2000, o Compacto Global das Nações Unidas é um modelo para as empresas que estão comprometidas com a sustentabilidade e as práticas empresariais responsáveis. Com iniciativas aprovadas pelos executivos das empresas, o Compacto Global visa alinhar operações de negócios e estratégias em todos os lugares, com dez princípios universalmente aceitos nas áreas de direitos humanos, trabalho, meio ambiente e anticorrupção.

Através de um amplo espectro de ferramentas de gestão, recursos e programas, o Compacto Global das Nações Unidas tem por objetivo seguir dois objetivos complementares:

- Integrar os dez princípios mais relevantes nas atividades empresariais em todo o mundo (ver mais informações no site do Compacto Global)

- Catalizar ações de apoio a objetivos mais amplos das Nações Unidas, incluindo os Objetivos do Milênio

Ao fazer isso, os negócios - como o principal agente de condução da globalização - podem ajudar a garantir que os mercados, comércio, tecnologia e finanças avancem na forma de beneficiar economias e sociedades em toda parte, contribuindo para uma economia mais sustentável e inclusiva, globalmente. O Compacto Global das Nações Unidas é uma iniciativa voluntária que se baseia na prestação de contas públicas e na transparência.

Conheça mais em: www.unglobalcompact.org


World Gold Council (WGC)

O World Gold Council (Conselho Mundial de Ouro) tem como missão estimular e apoiar a procura de ouro e criar valor duradouro para seus stakeholders. A organização representa as maiores empresas produtoras de ouro do mundo de forma responsável, um montante de, aproximadamente, 60% da produção mundial anual. Seus presidentes e CEOs formam o Conselho de Administração do World Gold Council (WGC).

Como um papel fundamental para o desenvolvimento do mercado na indústria do ouro, o WGC trabalha com vários parceiros para criar deslocamentos estruturais na demanda e promover o uso do ouro em todas as suas formas: como um investimento abrindo novos canais de mercado; na joalheria, através do desenvolvimento do mercado; na indústria através do desenvolvimento de mercado da electrônica e do suporte de tecnologias emergentes; e nos assuntos do governo através do envolvimento em questões de política macro-econômicas, reduzindo barreiras para a propriedade do ouro e da promoção do ouro como ativo de valor.

O WGC é focado na criação de um novo destaque para o ouro. Tem a sua sede em Londres e nos centros de operações de demandas na Índia, China, Oriente Médio e Estados Unidos. O WGC é a principal fonte de pesquisa independente e conhecimento no mercado internacional do ouro.

Conheça mais em: www.gold.org